Parceria Brasil-EUA para aviação

By: Author Raul MarinhoPosted on
220Views5

Nesta última viagem da pres. Dilma aos EUA, foi assinado um termo de cooperação entre a FAA-Federal Aviation Administration e a TSA-Transportation Security Administration com o governo brasileiro. Ainda não está claro em que aspectos, exatamente, esta cooperação ocorrerá, nem os eventuais impactos que ela poderá trazer para os pilotos brasileiros. Mas parece ser uma boa luz no fim do túnel (tomara que não seja uma locomotiva vindo para nos atropelar…).

Mais detalhes nesta nota do USTDA-United States Trade and Development Agency.

5 comments

  1. Enderson Rafael
    5 anos ago

    Se for pra modernizar o sistema aéreo brasileiro, que é o que o artigo em inglês sugere, então é bem válido (entre eles, usar os tablts pra guardar cartas:-)

  2. pedropramos
    5 anos ago

    Soh espero que os minimos para Cia aerea nao passem p 1.500hrs ou 250.0 p PC

  3. pedropramos
    5 anos ago

    Nao consigo ver nada de bom nessa ´Fusao´ . . . Agora espero que os minimos requeridos p Cia aerea nao ultrapasse as 1.500hrs.. Ou 250hrs para PC….

  4. Fred Mesquita
    5 anos ago

    Não vejo algo que o FAA pode ajudar à ANAC – o moderno tentando ajudar o antigo – é o órgão do século 21 tentando fazer com que o órgão do século 19 pense que o avião já foi inventado, que abra os olhos e pare de dormir no caminho…

Deixe uma resposta