A carta da APPA

By: Author Raul MarinhoPosted on
387Views8

Carta da APPA para a ANAC

No link acima, é possível baixar uma cópia da carta da APPA-Associação de Pilotos e Proprietários de Aeronaves endereçada ao presidente da ANAC, com cópia para a chefe da Casa Civil da Presidência da República, para o secretário da SAC-Secretaria de Aviação Civil, e para outras autoridades da própria ANAC. Assinam a carta, além do presidente da APPA, a ABRAPAC–Associação Brasileira dos Pilotos da Aviação Civil, a ABUL–Associação Brasileira de Ultraleves, e a CAB – Comissão de Aerodesporto Brasileira, apoiada pela ABPM–Associação Brasileira de Paramotor, ABVL–Associação Brasileira de Voo Livre, CBPq–Confederação Brasileira de Paraquedismo e FBVV–Federação Brasileira de Voo a Vela. O título da carta tem um tom de ultimato: “POSICIONAMENTO CLARO E IMEDIATO DA ANAC RELATIVAMENTE AS OPERAÇÕES E SERVIÇOS PRESTADOS À AVIAÇÃO GERAL”.

O conteúdo da missiva reflete boa parte dos problemas por que passa a aviação geral no momento, isso é fato – e faço votos que ela surta algum efeito prático. Tomara que eu esteja enganado, mas infelizmente eu não acho que tal carta possa ter algum efeito prático. Primeiro, porque as entidades signatária e co-signatárias não possuem peso político suficiente para sensibilizar as autoridades do governo. Depois, porque os problemas já são conhecidos por estas mesmas autoridades, e se fosse para ter sido tomada alguma providência, isso já deveria ter acontecido. E, em terceiro lugar, porque ela mostra uma certa desunião do setor: onde está a ABAG? A ABRAPHE? O SNA? As associações dos táxis aéreos, dos ultraleves/escolas de aviação, e da aviação agrícola? Fora a ABRAPAC, que congrega pilotos profissionais (mas é recente, e ainda está se estruturando), só assinam entidades da aviação “de rico”: proprietários de aeronaves executivas, ultraleves, planadores… Pôxa, é possível até que, dado o cinismo deste governo populista, a carta se volte contra a aviação geral. Sei lá, de um governo como esse, eu espero qualquer coisa.

Mas, repito, eu faço votos de que eu esteja equivocado, e que a carta sensibilize as autoridades para resolver nossos problemas. Rezemos…

Em tempo: Agradeço ao Beto Arcaro, que me enviou a cópia da carta que vai acima.

8 comments

  1. Repassando:

    Algo mais incisivo já foi tentado:

    “Esta carta da APPA é uma boboseira e ridícula, sinceramente o que funcionaria seriam ações judiciais e mandatos de segurança.

    Cartas sempre foram escritas por diversas associações e já se demonstrou serem pouco eficazes, eu mesmo escrevi várias para DECEA, ANAC e Infraero !!!!!

    Tenho um amigo piloto/proprietário que transita semanalmente no governo e ele me retransmitiu que o pensamento do PT é que nós somos um bando de riquinhos que tem avião e que estão reclamando para poder voar com os nossos brinquedinhos e nos divertimos. Vcs acham que uma cartinha resolve, esta carta hj é a última de diversas, alias esta carta chegou tarde !!!! última bolacha do pacote.

    Já estive convidado em Brasilia em uma reunião com o Ministro da ANAC marcada pelo nosso associado e amigo Xxxxxxx e junto com um Senador da Republica, o Senador pediu ao ministro várias coisas, fez ponderações e tudo mais e sabe qual efeito surtiu ? NADA !!!!!

    Então pessoal não façam ilusões que uma carta de uma Associação tenha algum grande efeito, os caras lá da ANAC e do DECEA entendem na porrada, com ações judiciais e etc…

    Abs,

    Xxxxxxxx”

    Obs. Nomes omitidos a pedidos do autor.

    • Raul Marinho
      5 anos ago

      Isso é, em essência, o mesmo que eu afirmei nos meus comentários…

  2. betoarcaro
    5 anos ago

    Pra mim, demoraram muito!!
    Agora a coisa fica meio com ar de “Chutar cachorro morto”!!!

  3. betoarcaro
    5 anos ago

    Só sei de uma coisa:
    A APPA é a mais “antiga”, e o Jorge Sucupira fala muito bem, tem falado à muito tempo, já falou muita “Merda”! Nunca conseguiu nada!!
    Tudo isso que colocaram nesse documento fica meio óbvio!!
    Meio “surrado”!!
    Agora, sei lá né?? Pelo menos, estão reclamando!!

  4. Aí está um ponto que sempre me impressionou na aviação brasileira:

    A DESUNIÃO!

    Quando alguém propõe a criação de alguma entidade de representividade é só para ter benefícios próprios (como todas as outras do Brasil) ou para se promover “feiras” e outros eventos aero-financeiros.

    Defender o seguimento, lhufas!!!

Deixe uma resposta