[RBAC-61]Como obter a habilitação IFRH para quem já é habilitado IFRA

By: Author Raul MarinhoPosted on
252Views0

O amigo e leitor Alexandre Fabiano me enviou um questionamento que eu não soube responder. Ele é habilitado IFRA (voo por instrumentos em avião) e, agora, pretende obter a habilitação IFRH (voo por instrumentos em helicóptero) – porém, o RBAC-61 é confuso sobre como realizar este procedimento. Como eu tampouco sabia como proceder num caso desses, solicitei a ajuda do meu amigo Bosco, da EFAI, na minha opinião o profissional mais capacitado em instrução de asa rotativa do país para me ajudar. Reproduzo abaixo a resposta do Bosco sobre este assunto:

O RBAC-61 não deixa claro, na minha opinião, como fazer essa transição [de IFRA para IFRH] e, de fato, o que tem acontecido é que quem tem o IFRA faz 15 horas “sob capota” em helicóptero, e pode checar. Já tivemos alguns casos assim e funcionou. Quanto ao voo de cheque, é aquilo mesmo que o Alexandre disse. Teremos de encontrar uma aeronave aprovada para o voo IFRH; fazer a habilitação de TIPO (ground e treinamento prático), e pedir o cheque TIPO + IFRH.

Ou seja: a maior dificuldade mesmo é a habilitação de TIPO para uma aeronave homologada para voar IFRH real – por exemplo: um Agusta-109. Esse tipo de aeronave não é fácil de se encontrar nas escolas de aviação brasileiras, e a locação de um equipamento destes de particulares custa por volta de R$8mil/h. Mas o treinamento IFRH em si não tem esse problema: ele pode ocorrer em aeronaves mais simples (ex.: Robinson-22 ou Schweizer-300) somente equipadas com a instrumentação básica IFRH, mas não habilitadas para voar IFRH real – que custam por volta de R$1,5mil/h.

Deixe uma resposta