Será que o pior já passou na aviação brasileira?

By: Author Raul MarinhoPosted on
501Views10

Janeiro e fevereiro foram meses de retração na demanda por passagens aéreas no país, evidenciando a crise por que está passando a aviação brasileira. Agora, em março, a demanda voltou a subir, principalmente por causa da Avianca e da Azul, já que as tradicionais companhias TAM e Gol continuam reduzindo a oferta. O crescimento é modesto, mas pelo menos não houve encolhimento, né? Será que o pior já passou na aviação brasileira? Vamos ver…

Entenda melhor o assunto lendo a matéria do Valor Econômico abaixo reproduzida (fonte: Aeroclipping do SNA):

Demanda aérea tem ligeira alta de 1% em março
Por Alberto Komatsu
De São Paulo


A participação combinada de Gol e TAM no mercado doméstico recuou 3,95 pontos
percentuais, segundo dados da Anac

A demanda por voos domésticos registrou crescimento de 1,14% em março, na comparação anual, divulgou ontem a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Foi o primeiro resultado positivo neste ano, que acumula recuo de 1,19% no fluxo de passageiros transportados no país no primeiro trimestre, ante igual período de 2012.

A oferta de assentos teve redução de 5,97% em março, em relação ao mesmo período de 2012. Foi o sétimo mês consecutivo de variação negativa nesse índice, por causa da redução de oferta protagonizada por Gol e TAM desde meados do primeiro trimestre de 2012.

Como consequência dessa estratégia de conter a capacidade no mercado doméstico, a taxa média de ocupação dos aviões em voos domésticos se situou em 71,33%, um aumento de 5,01 ponto percentual na comparação com março de 2012. Foi o melhor desempenho desse indicador para o mês de março desde 2000, início da série histórica da Anac.

A capacidade da Gol teve redução de 9,7% em março, ante igual mês de 2012, segundo dados divulgados pela própria companhia esta semana. A oferta da TAM recuou 10,96% na mesma base de comparação. No fluxo de passageiros, a Gol apresentou redução de 11%, enquanto a demanda da TAM cresceu 3,76%.

A Anac divulgou números diferentes de oferta e demanda da Gol, com taxas de crescimento de 5,44% e de 6,34%, respectivamente. Isso porque a agência contabilizou os dados de 2012 da Webjet isoladamente. A Gol, que comprou a rival em 2011, inclui esses dados no seu desempenho.

Na TAM, a ocupação das aeronaves em voos domésticos cresceu 10,38 pontos percentuais, para 73,15%. Na Gol, esse indicador ficou em 65,27%, um avanço de 0,55 ponto percentual.

O fluxo de passageiros em voos internacionais, entre as aéreas brasileiras, subiu 9,54% em março, o quinto mês consecutivo de crescimento. A oferta de assentos cresceu 18,08%. A taxa média de ocupação dos aviões ficou em 71,57%, um recuo de 5,58 pontos percentuais ante março de 2012.

A participação combinada de Gol e TAM no mercado doméstico recuou 3,95 pontos percentuais em março, na comparação anual. Juntas, as duas companhias responderam por 75,45% dos voos domésticos no mês passado. No mesmo período de 2012, a fatia conjunta havia alcançado 79,4%.

As aéreas de médio porte (Avianca, Azul/Trip) responderam por 23,9% dos voos domésticos em março. Um ano antes, a fatia combinada era de 19,73%, um aumento de 4,17 pontos percentuais.

10 comments

  1. Enderson Rafael
    5 anos ago

    Acho que não chega a ser virada de maré, mas tenho a impressão de que os próximos meses, até a Copa, eu diria, deverão ser menos piores do que os que passaram. Mas se a Copa for o fracasso que está perigando ser, o governo não fizer muito pra estimular a demanda interna e der condições (através de desoneração e fornecimento de melhor infra estrutura) para as cias nacionais, a tendência é, infelizmente, as estrangeiras continuarem tomando conta. Não sou contra o céus abertos, acho o correto, e é isso que fez os EUA e a Europa ficarem mais baratas que Nordeste. Mas nosso país não está preparado, o que deixa nossas cias sem condições de competir – e nossos pilotos sem empregos, fora demais aeronautas e aeroviários. Qto ao Chumbrega, é um outro momento da carreira. Não é heresia alguma, todos nós precisamos crescer. Quando ele for promovido, isso abrirá vaga pra copiloto, que é o que eu e todo mundo que só tem o PC quer. São buracos similares, apenas estão num ponto diferente da estrada. E claro, um PC desempregado tem bem menos a perder que um copiloto antigo. Por isso as decisões são mais difíceis. Há mais campo pra ele fora da empresa em que está que pra nós?! Certamente. Mas se ele for promovido, a coisa melhora e muito pra ele. Torço por vc, mesmo que isso não significasse torcer pra mim tb:-)

    • Chumbrega
      5 anos ago

      Captain,sem falsidade nenhuma em meu comentário (ate pq posto anonimamente): eu torço por todos nos!
      Obvio q pra uns +,pra uns chatinhos -,mas torço p todo mundo atingir o q almeja,sem sacanagem. Se assim fosse,talvez nossa profissão se enobrecesse de novo… Já diria MLK, “i have a dream” …

      • Enderson Rafael
        5 anos ago

        I know you do;-) Sou cmro há 8 anos, e chefe há 3. Eu sei o que é esperar por uma promoção…

  2. Chumbrega
    5 anos ago

    Eu acho que o pior (não de todos os tempos, mas da crise atual) ainda está por vir.
    Espero estar errado, não aguento mais a vida de co-pila, e ainda estou a anos luz da promoção…

    • Alguns vão até te condenar e te chamar de herege pela frase “não aguento mais a vida de co-pila”, alegando que venderiam a mãe, o pai, a irmã… pra estar no seu lugar.

      Se a maioria daqueles que dizem que sonham em ser pilotos soubesse da missa um terço, jamais dariam o primeiro passo na carreira de PLA. A maioria acha que ser PLA são só louros… Por mais que voar seja ótimo, toda profissão cobra seu preço.

      Negócio é enxergar o copo como metade cheio e bola pra frente.

      • Chumbrega
        5 anos ago

        Parabens pelo comentarios,pq vc tem razao.
        O problema e q nemsempre e possível ver meio cheio,pois as vezes o lado meio vazio salta aos olhos. E e isso mesmo: se neguinho soubesse 1/3… E o pior e q ainda assim a gente e apaixonado pela profissão. Por mim pouca coisa e melhor q voar e q estar perto de aviões…

      • Chumbrega
        5 anos ago

        Ah, e só um detalhe. De voar 121 e o q vcs querem,no primeiro dia de ground vcs vão começar a se preocupar e discutir critérios p promoção,PODE ESCREVER.

  3. Vinicius Borsato
    5 anos ago

    Bom, não sei no geral, mas aqui em São José do Rio Preto por exemplo, a partir de amanhã (19/04/2013) a TAM que até então só operava o A319 irá começar (ou recomeçar) a operar o A320 devido à demanda sim de passageiros, ao meu ver, pelo menos aqui, isso é crescimento!

  4. Zico
    5 anos ago

    Parece que sim. Tem até táxi aéreo divulgando vaga para pilotos em MG….porém, é só pra pilotos mulheres. Já vi seleções que discriminavam os candidatos, mas por de baixo dos panos. Abertamente assim foi a primeira vez. Deve ser pra fazer média, puxando o saco das meninas rsss (que ironia)

    De qualquer forma, são vagas na aviação. O que é um ponto positivo.

    Às interessadas, segue o texto que recebi

    “Prezadas:

    Informo que a Alba Táxi Aéreo está com o Processo Seletivo aberto para Pilotos do sexo FEMININO, que contenha as habilitações PC/IFR checadas. As interessadas deverão enviar o Currículo detalhado com as horas por aeronave voada para o e-mail recrutamento@albacargo.com.br . Pede-se no campo Assunto do e-mail preencher com o nome completo e o código ANAC.”

    Nesse link tem um recorte do jornal hj em dia (17/04/13) com a matéria https://fbcdn-sphotos-g-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn1/30554_492317557489547_779564119_n.jpg

  5. Sander Ruscigno
    5 anos ago

    Pra mim isso não passa de um repique!

Deixe uma resposta