“Apertem os cintos, o piloto sumiu. E a presidente assumiu.”

By: Author Raul MarinhoPosted on
552Views14

Sobre este post de ontem – “Dilma ‘invade’ cabine do piloto e vira ‘corneteira’ dos voos oficiais” – não deixem de ler o artigo abaixo reproduzido, publicad0 na coluna do Augusto Nunes na Veja.com:

Celso Arnaldo vai às nuvens com a comandante Dilma: ‘Apertem os cintos, o piloto sumiu. E a presidente assumiu’

CELSO ARNALDO ARAÚJO

Quando viaja em seu avião oficial, um Airbus 319 CJ ,comandado pelo brigadeiro Joseli Parente Camelo, a presidente proíbe terminantemente turbulências na rota. Para garantir que a determinação seja cumprida à risca e o piloto não tente engambelá-la, atribuindo solavancos a incontornáveis intempéries de percurso, ela adicionou mais uma expertise à sua longa lista de competências técnicas: embora ainda leve um baile das chuvas que todo verão castigam a região serrana do Rio, aprendeu a interpretar cartas meteorológicas aeronáuticas altamente complexas. Com os dados em mãos, altera rotas oficiais, refaz planos de voo, alonga viagens ─ aliás, não está nem aí para o consumo de combustível. Tudo porque ela detesta avião que balança ─ mas não cai. Dilma revogou a lendária expressão céu de brigadeiro. O céu dela é sempre melhor.

A lenda da supergerente sem cabeça, que continua a ser alardeada com medo e reverência por seus áulicos e por boa parte da mídia, ganhou neste domingo, na página A8 da Folha (Dilma invade a cabine do piloto e vira corneteira dos voos oficiais), seu lance mais surreal: é Dilma quem pilota o Airbus da Presidência ─ sem encostar no manche de comando, só com broncas e interpelações. A se acreditar na matéria, Dilma se tornou uma controladora de tráfego aéreo mais eficiente que os engenheiros da Nasa em Houston que conseguiram trazer de volta à terra a errante Apolo 13. Ela inventou um jeito de evitar as inevitáveis turbulências aéreas: é só voar do jeito que ela quer.

A matéria ocupa apenas um quarto inferior de página, mas, por seu inacreditável viés de mistificação, é um retrato aberrante deste governo ─ ao mesmo tempo absurdo e prepotente ─ e renderia várias anotações no impagável “Diário de Dilma” na revista Piauí.

Na matéria da jornalista Natuza Nery, o Airbus 319 que foi a Roma lotado de aspones, para a posse do Papa Francisco, e voou batendo lata para a Etiópia, esta semana, quase se transforma num cenário do Zorra Total. “Ela detesta quando o avião presidencial sacode em pleno ar”, escreve a jornalista, num simulacro do idioma da personagem, sem explicar se seria possível o Airbus sacudir em pleno chão. Se foi por medo de avião que Belchior pegou pela primeira vez na sua mão, o medo da turbulência faz Dilma pegar no pé do pobre brigadeiro Joseli, que nesses momentos preferiria estar bombardeando Pearl Harbor a bordo de um caça Zero.

Essa fábula da superpiloto de controle remoto comprada pela Folhacoloca Dilma analisando complicadíssimas cartas meteorológicas para alterar o plano de voo do avião presidencial se detectar que o Aerobus vai enfrentar turbulência. Claro, ela conhece os 39 tipos de cumulus nimbus ─ pileus, velum, incus, etc ─ melhor do que conhece seus 39 ministros. O brigadeiro Joseli já sabe que não deve duvidar nunca dessa expertise da patroa. Ou ela irá, lá na frente, verificar se as alterações de rota foram acatadas. Para isso, segundo a matéria, “fez questão de aprender a ler os enigmáticos dados do painel da cabine do piloto”. Quando sente que o chão parece faltar sob o Airbus a 30 mil pés de altura, costuma perguntar ao oficial, no tom que fez Sergio Gabrieli chorar: “Joseli, por que o avião está sacudindo? Que curva é essa?”.

Se o avião estiver balançando muito, ela permanece em seu lugar, com os cintos atados, que não é doida: nessas situações, segundo a Folha, Dilma interpela o oficial quatro estrelas por um botão ao lado da poltrona. “Quando o Airbus sacode, é fatal”, diz a repórter, sem perceber o perigo de associar a palavra “fatal” a um avião que sacode. Ela se referia a Dilma, a femme fatale a bordo. “A campainha toca. E, dependendo da trepidação, toca com muito vigor”.

Ou seja: balançou, lá vem bronca. Segundo a matéria, o brigadeiro faz sempre o que a presidente manda, até mesmo uma viagem em zigue-zague de Brasília a Porto Alegre, “para fugir do agito”, queimando querosene, é claro. Certa vez, relata a Folha, o desvio foi tão grande que o Aerodilma fez a curva em Mato Grosso antes de aterrissar em Brasilia, por causa das nuvens carregadas e ameaça de balanço.

Outro dia, dois pilotos da TAM foram demitidos por justa causa ao permitirem que o cantor Latino se sentasse à cadeira do comandante, durante o voo, para fazer uma foto. A matéria de domingo da Folha revela que Dilma chega a mudar o plano de voo do avião presidencial quando poderia, quem sabe, tomar um Engov.

Não é o cumulus?

14 comments

  1. Löhrs
    4 anos ago

    Todo país tem o governo que merece!!! Povo ignorante que vota por um prato de comida, pra ter benesses e não trabalhar só podia dar nisso!!!!

    • rubens
      4 anos ago

      Falou tudo.
      Ela ta la porque mais de 50% votou nela
      TODOS os setores do governo sucateados, segurança, saude, transporte ,infra-estrutura……
      Alquem lembra como foi resolvido o problema dos controladores dee trafego aereo?
      Mas o que “realmente” importa é que no ano que vem tem copa, o resto tanto faz…
      Essa conta vai sair caro, Nao to falando da conta da Copa , to falando da conta do desgoverno

  2. INDIGNADO
    4 anos ago

    ICA 100-12: REGRAS DO AR E SERVIÇOS
    DE TRÁFEGO AÉREO

    3.5 AUTORIDADE DO PILOTO EM COMANDO
    O piloto em comando de uma aeronave terá autoridade decisória em tudo o que com ela se
    relacionar enquanto estiver em comando.

    TODAS as aeronaves no espaço aéreo nacional estão sujeitas!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • rubens
      4 anos ago

      Unico ICA que a Dilma conhece é formiga de bunda grande

  3. Leonardo
    4 anos ago

    Isso mais parece aquele discurso de países com governos social democráticos (lê-se ditatoriais) em que seu líder supremo lidera o país com maestria de um governante onisciente, que além de governar domina os conhecimentos de aviação, música, literatura, cultura e etc. Chega até dar medo!

  4. Leandro Cunha
    4 anos ago

    E tem mais… O piloto em comando não tem compromisso com o gasto de querosene… Nenhuma companhia aérea no mundo pagaria ao comandante nem mesmo a metade do que ele ganha com as diárias que são pagas. Milico não é bobo não. Quem pode mais – pode menos, quem pode menos – não pode mais.

  5. rubens
    4 anos ago

    Dentuça de vestido vermelho, amiguinha de um cara que fala tudo elado…
    Só faltava mesmo pilotar
    O Mauricio de Souza deve estar orgulhoso

  6. Thiago Henrique
    4 anos ago

    Não sei porquê tanto espanto, o Brasil já é o país da palhaçada. Não dava para esperar menos que isso desse governo.

  7. Thalyson Ramos
    4 anos ago

    Alguém já tentou dizer que ela não e autoridade sobre Avião e sua respectiva operaçao, navegaçao etc? Sinceramente eu acho essa nossa presidenta uma vergonha, deve ser a arrogância em pessoa isso se percebe só de olhar para ela, coitado do oficial que comanda a aeronave presidencial! tanta necessidade no Brasil e a “belezinha” gasta o querosene porque não pode sentir um balanço…. tadinha dela né gente, mas nao e so ela que faz isso, tem muito comandante “sofrendo ” por ai na executiva porque tem gente que acha que porque comanda um grupo de empresas ou apresenta um programa de TV ou preside um pais pode também comandar uma aeronave.,. oque poderia ser feito para acabar com isso? oque e necessario para faze-los entender a responssabilidade do piloto e a sua total autoridade sobre a aeronave? oque pode ser feito? alguem me diga? porque se nao um cara gasta horrores e sofree pra consseguir sentar no comando de uam aeronave ai perde as licenças por atender alguma tolice desse povo………………………………………..

  8. Julio Petruchio
    4 anos ago

    Com uma patroa dessa eu mandava ela ir tomar no orifício corrugado da mesma, pedia baixa e ia voar na China!!! Deve ser um clima de amizade eim, ex-terrorista, comunista “agando” na cabeça de um Brigadeiro-do-Ar…

  9. jabertecnico
    4 anos ago

    Reblogged this on pilotoiniciante and commented:
    Adicione suas ideias aqui… (opcional)

  10. Filippe
    4 anos ago

    Quero ver a Anac multar o governo! kkkk

    • Raul Marinho
      4 anos ago

      Para começo de conversa, o AeroDilma é uma aeronave militar, então a ANAC nem tem jurisdição sobre ela…

      • Filippe
        4 anos ago

        Ta certo! Não sabia. Mas devem estar se coçando pra querer agitar!

Deixe uma resposta