Reportagem do Jornal da Band sobre a burocracia da ANAC

By: Author Raul MarinhoPosted on
491Views12

.

No último sábado, 1º de junho, o Jornal da Band veiculou a reportagem do vídeo acima, sobre a burocracia da ANAC na análise e aprovação de processos para a emissão de licenças e habilitações. Acho muito positivo que este assunto apareça na imprensa “comum”, pois aqui nos guetos da aviação (este blog, por exemplo) todo mundo já está cansado de reclamar desses problemas – e, ao que parece, as autoridades aeronáuticas não estão nem aí. Mas, embora ache louvável a iniciativa do Jornal da Band em mostrar o problema, lamento pela forma como a reportagem foi apresentada.

Em primeiro lugar, o excesso de inutilidades: cerca de 1/4 da matéria foi gasta com o “Homergate” – a “denúncia” de que a figura do Homer Simpson foi utilizada nos testes do sistema de licenças da ANAC. Ok, é pitoresco, e o grande público precisava de um refresco para digerir a matéria, bastante específica. Mas eu acho que foi um desperdício de recursos gastar tanto tempo com essa bobagem, inclusive cobrando do Diretor da ANAC explicações sobre esse assunto (que, ademais, não tem nada de errado). Mas isso é o de menos; o que achei realmente lamentável foi que a reportagem não abordou dois aspectos fundamentais:

1) Por que a ANAC está levando tanto tempo na análise de processos?

Se a reportagem tivesse entrevistado o Carlos Montino, presidente da ASA-Associação dos Servidores da ANAC, ela poderia entrar no mérito das causas do problema: o aparelhamento político da agência, e a falta de servidores alocados à GPEL.  Com isso, a matéria poderia mostrar o absurdo da situação que hoje está ocorrendo: os servidores da agência estão se oferecendo para fazer um mutirão na GPEL, para zerar o atraso na emissão de licenças e habilitações, mas o presidente da ANAC não autoriza – uma informação  surreal, que causaria muito mais impacto do que apresentar a licença do Homer Simpson.

2) E quando se pretende consertar o problema? Ou: que tal pedir consultoria ao CQC?

Apesar do Diretor da ANAC ser questionado quanto ao “Homergate”, ninguém perguntou àquela autoridade quando é que a ANAC pretende resolver a situação. Poxa, mas o que interessa mesmo não é que os processos sejam analisados dentro de um prazo razoável? E quando isso irá acontecer? Em 90 dias, até o final do ano, até a Copa? Ninguém perguntou o que seria a “pergunta de US$1milhão” da reportagem… O Jornal da Band poderia pedir ao pessoal do CQC, da mesma emissora, consultoria para lidar com esse tipo de situação. Porque no “Proteste Já”, o repórter sempre sai com um objeto do entrevistado, para ser devolvido quando da resolução do problema no prazo que a autoridade se compromete a resolver no ar. Não seria ótimo se o repórter saísse da ANAC com uma maquete de avião da sala do Dr. Pellegrino?

Se a matéria tivesse abordado o dois aspectos acima, poderia haver alguma esperança de que o problema da ineficiência GPÈL se resolvesse no médio prazo. Também seria uma oportunidade para expor as mazelas da aviação derivadas do aparelhamento político da ANAC, que não se restringem somente ao atraso na emissão das carteiras. Mas, infelizmente, perdemos mais esta oportunidade, e tudo continuará exatamente como está. Pena…

 

12 comments

  1. Jonei
    4 anos ago

    No dia 28 de maio fiz minha inscrição para a banca (PPAV). Entretanto, não foi possível fazer o agendamento da prova pois “não tem computador disponível” até o dia 21 de junho (último dia onde não é obrigatório curso homologado).
    Fiz um manifesto através da ouvidoria da ANAC e obtive a seguinte resposta: “Quando da edição do novo regulamento (RBAC 61), já estava previsto que o tempo para transição às novas regras seria de 12 (doze) meses.”.
    Daí eu pergunto: Mas ainda não estou dentro do prazo de 12 meses?!

    • Raul Marinho
      4 anos ago

      O que a ANAC quis dizer é que vc deveria ter agendado antes a sua prova…

  2. Bruno Saraiva
    4 anos ago

    O PANUNNZIO é um grande puxa saco do ACSP. ele esta usando a BAND para fazer propagandas gratuitas ao ACSP. voces acham que o fadi colocou ele atoa na direção? gastou tempo atoa da BAND e dos telespecs! poderia ter abordado assuntos importantes com o diretor da ANAC. mas não, preferiu dar ibope para pilotinho de apoio que reprovou 3 vezes na banca da anac e uma puxa saco de meia tigela.

  3. wagner
    4 anos ago

    Só uma duvida; o repórter e apresentador da Band responsável pela matéria é também diretor do ACSP ?(DIRETOR DE COMUNICAÇÃO E MARKETING: FABIO AZEVEDO PANUNNZIO)
    Talvez seja o motivo do conteúdo evasivo.

    • Raul Marinho
      4 anos ago

      Será que isso também tem a ver com a informação veiculada na reportagem de que “o ACSP tem 2.500 alunos” – que a gente sabe que são alunos dos cursos teóricos, a grande maioria dos cursos de CMS e de PP, que abandonam pela metade e não chegam a obter licenças, que é o objeto da reportagem? Por que o repórter-diretor não informa o número de pilotos checados na instituição, que seria o que realmente interessa para o caso?

  4. Julio Petruchio
    4 anos ago

    Bem amigos da aviação! Com Hommer, sem Hommer, com Jornal da Band ou sem Jornal da Band, com CQC ou sem CQC, Fantástico, mimimi, nhemnhemnhem ou xororô, a verdade é que nada mudará, pois a Anarc, bem como outras agencias e os 39 ministérios de Dilma, servem apenas para dar emprego aos apadrinhados e estão “agando” mole para nós! Como diria a Ministra da Cultura: “-Ora, relaxem e gozem”!!!!

  5. Sean
    4 anos ago

    Seria muito bom mesmo o pessoal do CQC fazer uma reportagem sobre esse absurdo que é a demora das liberações das CHT’s, entre outros.
    Meu processo foi mandado em fevereiro e até agora nada.

  6. Enderson Rafael
    4 anos ago

    Mais essa: segundo a ANAC, 22 escolas no Brasil estão homologadas pro curso de PLA que ela passará a exigir a partir do dia 22. Só tem um problema, nenhuma delas oferece realmente o curso… Estou curioso e apreensivo pra saber no que vai dar, afinal, não pude marcar minha prova pois a ANAC não me considera PC/IFR enquanto eu não checar de novo, aqui no Brasil…

    • Júlio Petruchio
      4 anos ago

      Congratulations! Welcome to Braziu! ziu! ziu!

    • Você poderia ter agendado e feito a prova tendo apenas a aprovação na banca PC/IFR. Não foi o seu caso?

      • Enderson Rafael
        4 anos ago

        Não, Alisson, pq eu nunca fiz a banca de PC/IFR aqui, nem tem como. Eu fiz a da FAA. O que acho errado é a ANAC não considerar a prova de regulamentos que precisamos fazer pra iniciar os voos da convalidação pros mesmos fins… mas enfim, como disse o Petruchio…

Deixe uma resposta