Demissões na TAM – Comunicado oficial da empresa

By: Author Raul MarinhoPosted on
363Views5

Prezados funcionários,

Como informado a todos na última terça-feira, o mercado de aviação enfrenta um período adverso e de alta relevante de custos, o que levou a TAM a reduzir consideravelmente a oferta, e gerou a necessidade da redução do quadro de tripulantes.

Cumprindo nosso compromisso de conduzir o ajuste de tripulantes com total transparência, respeito e apoio que eles merecem, comunicamos que chegamos a um acordo com o Sindicato Nacional dos Aeronautas. Apesar de todas as dificuldades atuais acordamos que, além de atender integralmente à Convenção Coletiva, iremos oferecer um Programa de Licença Não-Remunerada (LNR) e um Programa de Demissão Voluntária (PDV).

A LNR estará aberta para tripulantes de todos os equipamentos e terá validade de 18 meses, prorrogáveis por mais 12 meses. Nos seis primeiros meses, o funcionário licenciado e seus familiares diretos contarão com plano de saúde e com os benefícios de bilhetes aéreos iguais aos dos funcionários ativos da empresa.

Já o PDV estará aberto para tripulantes de aeronaves da família A320. Este incluirá uma indenização adicional para os que aderirem ao programa, além de seis meses de plano de saúde e três passagens aéreas para funcionários e seus familiares diretos. A TAM ainda arcará com os custos da revalidação de Certificação de Habilitação Técnica no equipamento atual até o check no simulador de voo nos casos em que a mesma vença até três meses seguintes ao aceite do programa. Adicionalmente, proverá apoio à transição de carreira com consultoria especializada.

Com estes programas, a empresa se compromete a reduzir o número de impactados a 811 (146 Comandantes, 194 Copilotos e 471 Comissários). As informações detalhadas dos programas serão divulgadas a todos os tripulantes em breve.

Mais uma vez reforçamos que esse movimento não atingirá outras áreas da companhia.

Atenciosamente

5 comments

  1. Kleber
    4 anos ago

    Oq é a CC dos INVAS?

    • Raul Marinho
      4 anos ago

      Convenção Coletiva dos Instrutores de Voo. Hoje em dia, existem CCs somente para a aviação regular (comercial), os táxis aéreos, e a aviação agrícola.

  2. Chumbrega
    4 anos ago

    Gostaria de saber se esses “benefícios” dados na demissão foram fruto de negociação do sindicato (acho que sim, porque a TAM NUNCA faria isso pelos funcionários). Se sim, acho que mostra um endurecimento das negociações sindicais que deve ser reconhecido (na forma de maior sindicalização).
    Raul, o que você acha de “entrevistar” o novo presidente do SNA e publicar aqui? De repente você pode abordar também o tema da aviação geral e etc.

    • Raul Marinho
      4 anos ago

      Chum, a minha impressão quanto ao Marcelo Ceriotti foi muito positiva, no evento do Contato Radar, em que eu tive a oportunidade de conversar um pouco com ele. E, sim, uma entrevista com o Marcelo está nos meus planos!
      Aliás, se vc notar nos posts anteriores, eu já comecei a entrevista, com perguntas sobre a CC dos INVAs…

Deixe uma resposta