Novas regras para sobrevoo sobre a Venezuela – Ou: bolivarianismo aeronáutico!

By: Author Raul MarinhoPosted on
370Views3

BOLETIM 001 SEGOPR ORM 2013

Recebi ontem do SERIPA-I uma mensagem encaminhando o boletim do link acima, preparado pelo sr. Ricardo Marques, ‘safety’ da ORM Air, com novas regras para sobrevoo sobre a Venezuela. Embora poucos leitores daqui tenham interesse em voar naquele país, achei interessante reproduzir este documento como ilustração do que é o bolivarianismo aplicado á aviação civil. Vejam o autoritarismo implícito na medida, que obriga o operador da aeronave que queira sobrevoar o país a enviar o plano de voo com sete dias úteis de antecedência, e não tem nenhuma segurança de que, mesmo após haver pago as respectivas taxas, ser atendido em seu pleito. Acho, também, interessante que se vá familiarizando com esse tipo de procedimento porque, do jeito como a coisa vai, não vai demorar muito para que a ANAC adote medidas semelhantes no Brasil…

3 comments

  1. Hoje em dia, o Brasil exige 48 horas, para entrada de foreign non-scheduled flights (http://www.faa.gov/air_traffic/publications/ifim/country_info/PDF/br.pdf) . No ano passado, falaram em instituir um sistema de eAPIS (electronic Advanced Passenger Information System) igual ao dos EUA, mas – que se saiba – não vingou até agora. Mal possuem estrutura física e de pessoal para trabalhar do jeito que é, imagina implantar um eAPIS. Sonhaa, Aliceee!!!

  2. Beto Arcaro
    4 anos ago

    Cara! Na Copa vai ser assim??
    Tenho a impressão de que algo muito ruím está para acontecer….

    • Julio Petruchio
      4 anos ago

      Esquenta não.
      Dna. Dilma vai baixar uma MP para agilizar esse procedimento durante o evento e vai dizer na campanha: “-Viram só, que Copa linda nós fizemos?!

Deixe uma resposta