“Demanda por transporte aéreo mais que triplica em 12 anos”

By: Author Raul MarinhoPosted on
320Views3

A revista AeroMagazine publicou hoje uma matéria, baseada num estudo da ANAC, dizendo que a “demanda por transporte aéreo mais que triplica em 12 anos“. Legal! Mas se crescemos tanto assim, por que as empresas estão, quase todas, em situação difícil, e acumulando prejuízos? E como explicar o fato de que o desemprego entre tripulantes esteja em níveis tão elevados? Mais do que isso, faz sentido crescer tanto e a segurança de voo piorar, tanto em números absolutos, quanto em relativos? E termos uma qualidade de serviços aeroportuários tão ruim?

Será que, ao invés de crescer, nós não simplesmente inchamos?

3 comments

  1. fredfvm
    4 anos ago

    Aos olhos de muita gente no Brasil nossa aviação é, somente, composta pela aviação comercial de grande porte. Vocês não imaginam o que já recebi de mensagens, telefonemas e e-mail de amigos mais próximo em busca de comprar passagem aérea mais barata, sendo que nem isso eu sei como se consegue…
    Afora os que me perguntam qual o quartel da FAB que eu fiz meu curso de piloto. Se como soldado o curso é de graça. E por aí vai. Nossos órgãos de comunicação têm muita influência nessa desinformação.

  2. Enderson Rafael
    4 anos ago

    Mea culpa que a matéria fala só da aviação doméstica. Bom, cresceu mesmo, e o número de tripulantes tb cresceu. Mas esse crescimento foi acentuiado entre 2004 e 2010. Dali pra frente a coisa desandou. E aí, nessa demora em o mercado de trabalho se adaptar à desaceleração da economia e do transporte aéreo, isso sim, traz o cenário péssimo em termos de emprego que temos hoje. Como é cíclico, um dia vai voltar a ser interessante ser tripulante (comissários e pilotos sofrem do mesmo mal), pois um dia a maré baixa também chegará às escolas, diminuindo fortemente a formação de novos tripulantes, ao ponto talvez de não suprirem a renovação requerida pelos que deixam a profissão ou o país. E aí, cantar-se-á novo apagão. Mas isso vai levar tempo, alguns anos talvez. O que é fato é que a cada 30mil anos temos uma era glacial, que dura cerca de 70mil. Então, não nos iludamos: os verões são mais curtos que os invernos.

  3. Enderson Rafael
    4 anos ago

    Triplicou mesmo. Pra isso usam-se Triple Sevens. Da American, da United… fora outros modelos igualmente grandes de outras estrangeiras. Enquanto isso, nossa empresas, levando o Brasil nas costas e existindo apesar da agencia que devia fomentar a aviação no país, se tornam imensas regionais. Logo, os passageiros são nossos, mas o empregos são deles. Triste realidade, dificilmente reversível e com consequência lamentáveis.

Deixe uma resposta