E os tambores da guerra do SNA estão batendo cada vez mais forte…

By: Author Raul MarinhoPosted on
276Views16

Acabou de ser publicado no dite do SNA:

Na tarde desta sexta-feira (13/12), durante Assembleias realizadas nas cinco bases do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), instituição que representa pilotos, copilotos e comissários de voo, a categoria recusou a proposta das empresas aéreas, decidiu entrar em estado de greve, com indicação de paralisação do setor na próxima sexta-feira (20).

Na quarta-feira (18), acontecerá uma nova rodada de negociações entre o SNA e o Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA), com o intuito de reivindicar melhorias econômicas e sociais propostas nas assembleias de hoje.

A Diretoria do Sindicato Nacional dos Aeronautas

16 comments

  1. Rafael
    4 anos ago

    Acho extremamente justo pedirem mais dignidade e respeito aos aeronautas, com escalas descentes, folgas merecidas e condições melhores.

    Entretanto, será que é justo/viável pedir aumento num momento em que as duas principais companhias (não podemos falar pela Azul, pois ela não divulga os números e a Avianca está mais ou menos “estabilizada”) estão com prejuízos bilionários e a economia está ruim?

  2. Menezes
    4 anos ago

    Greve!!!????
    Com essa classe desunida que é a nossa, kkk …essa que quero ver…

  3. Sindicalizado
    4 anos ago

    Como é? Mais do mesmo?!

    Que tipo de aviador vocês são? Vocês comparecem em assembléia? Estão por dentro do que acontece?! Ou só postam foto no facebook? O que é isso que vocês estão falando!?

    Em janeiro eram menos de 500! Hoje são mais de 3100 sindicalizados! Em poucas rodadas de negociação, já temos muito mais do que conseguimos nos outros anos! Já temos inflação, já temos passes, já temos renovação de cláusula sociais garantida!

    Agora vamos conseguir algum aumento a mais para compensar a inflação mascarada, e vamos lutar por folgas!

    Greve é direito do trabalhador! É de direito!

    E é nesta época de negociação da convenção coletiva que a greve se torna legal!

    O sindicato tem feito muito! Lutaram pelo pessoal da Webjet, já estão sendo todos chamados inclusive! Até janeiro, todos os Web’s serão reintegrados e terão pagos os seus salários retroativos!

    Os recentes demitidos políticos da Azul também serão reintegrados nesta semana! O MPT entrou em ação em conjunto com o SNA e a Azul vai reintegrar todos os demitidos do último mês!

    O SNA nunca esteve tão de olho nas empresas quanto hoje!

    Nunca tivemos uma proposta tão boa e honesta como a que a atual diretoria do SNA propôs nas negociações da nova convenção coletiva!

    A nova diretoria do SNA é composta por aviadores! Aviadores novos, de sangue novo e com vontade de mudar! De fazer direito! De levantar a categoria!

    Os que repudiam, desencorajam a atuação do atual SNA são de envergonhar a categoria!

    Não estão ajudando em nada! Dêem a solução então!

    Pois eu dou a solução! Sindicalizem-se! Quando tivermos 95% de sindicalização vamos começar a entender como funciona o sindicalismo e o “patrão” e o estado vão nos respeitar!

    • Zé Maria
      4 anos ago

      Assim como você está no seu total direito em expressar seu ponto de vista em relação ao “novo” SNA, nós também nos sentimos no mesmo direito de expor nossos pensamentos. . .simples assim!
      E eu particularmente, que já vi muita água barrenta passar por baixo dessa ponte, desde 1982, afirmo com todas as letras e lhe desafio a me provar o contrário: NÃO VAI MUDAR NADA!
      Chegaram urrando como leões mas já estão miando feito gatinhos. . .
      E isso não sou eu que estou dizendo, são os fatos que comprovam. . .quem viver, verá!
      Webjet. . .se o país fosse minimamente sério e as leis cumpridas e respeitadas. . .acontece que não o foram e ficou por isso mesmo. . .esse é só o exemplo mais recente, ok!
      Pano rápido.

      • David Banner
        4 anos ago

        – Posso falar?

        – Posso falar?

        – NÃO…. VIRA…. NADA!!!!
        – ABSOLUTAMENTE NADA!

        Você está coberto de razão, Zé. Em qualquer setor onde o número de vagas de emprego é muito inferior à quantidade de profissionais desempregados, fica impossível fazer valer direitos.

    • Chumbrega
      4 anos ago

      Como fui eu quem usou a expressão “mais do mesmo”, me dou ao direito de resposta.

      1) Calma lá “aviador”, tá muito esquentado.
      2) Não tenho facebook.
      3) Sou o tipo de “aviador” – nego insiste em usar essa palavra – que nunca atrasou um vôo, nunca deu DM, nunca faltou, nenhum problema de “file” ou chefia, nunca tomou pau no simulador, 3,5 anos de companhia aérea, 12 de piloto. Sou esse tipo. Sou do tipo que entende que o país não tá ajudando, que a economia tá parada e que, com isso, o empregador tem pouca margem de manobra para atender a nossos pleitos. E você, de que tipo de aviador é?
      4) Ao usar a expressão “Nós” em primeira pessoa, você se refere aos aeronautas, à diretoria do sindicato, aos pilotos, aos sindicalizados. Explique-se, e se for da diretoria do sindicato, não há o porque fazer declarações anônimas. Agradeço sem ironias pelo esforço empreendido.
      5) Eu sou sindicalizado. Me sindicalizei depois das eleições deste ano. Fui na penúltima e na antepenúltima assembléia, que trataram sobre o dissídio. Na penúltima, na minha cidade, umas 10 pessoas assinaram a lista e eu fui uma delas. Obviamente não fui na assembleia da greve por discordar da estratégia e porque tinha de trabalhar. Sabe como é né? Então calma lá…

      Não discordo de sua afirmação que o SNA tem vigiado as empresas. Mas veja bem: esse seu papo de como funciona o sindicalismo… me explica então. Por que o que enxergo nessa tentativa de greve é botar as empresas contra a parede. Mas quem apóia a greve não consegue entender que as empresas estão em um péssimo momento, que o país não ajuda, e que não é contra elas que temos que lutar. E sim com o governo.

      Se essa diretoria tem (ainda tem que provar que tem) algum mérito, esse é o de brigar. Entretanto, não adianta atacar o problema errado. Eu não entendo essa posição de ataque contra as empresas, acuando-as nesses momentos de alta demanda. Não adianta, greve é a pior solução, e vai colocar a opinião pública contra nós. Pense bem quando você diz quem vai envergonhar a categoria (puts, tá alinhado com o discurso da CUT e da CS em? até o vocabulário)…

      A solução, meu nobre amigo, é atacar o problema. É solicitar ao governo melhor infra estrutura, lutar pela redução de tributos sobre nossa indústria, pressionar pela resolução do imbróglio do Aerus (cadê o sindicato?), enfim… Todas as benesses que são concedidas a outras indústrias deveriam ser aplicadas a nossa. Ainda que esse seja um ponto que o SNEA tem que atacar, pra mim nós (empregados e empregadores) temos que estar do mesmo lado.

      A propósito: você acha que a solução está na greve? Man up e seja o primeiro a entrar, então!

      • Sindicalizado
        4 anos ago

        Respondendo ao item 3: Sou exatamente deste tipo, profissional exemplar, aliás, como a maioria dos aeronautas.

        Respondendo ao item 4: Ao usar a expressão “Nós” eu me refiro à categoria dos aeronautas, que é compreendida pelos aeronautas, entre eles estão os pilotos, comissários, sindicalizados ou não, diretores do sindicato, e todos mais. Se você não entende isto, procure entender. Aeronauta é uma coisa só, SNA é o que nos representa legalmente. Aeronauta é sinônimo de SNA, e vice-versa. Sou aeronauta sindicalizado, não faço parte da diretoria.

        Respondendo ao item 5: Qual é a sua cidade? Porque em POA nas duas teve presença de ~50 aeronautas e em SAO nas duas passou de 100 aeronautas. Todos assinaram.

        Você demonstra que não sabe o que o SNA propôs, porque o que o SNA propôs não onera em NADA as empresas! Passe livre para todos, o que custa? Folgas, o que custa se organizar? Escolher 5 dias de folga para o ano todo, para que você possar estar presente no aniversário do seu filho, será que custa? Comida quente, será que é demais? Transporte quando não há mais transporte público disponível, será que é demais? Ou vamos voltar a pé pra casa? Pagar por hora ao invés de km, será que custa? Pagar hora de reserva quando ficamos 2, 3 até 4h parados saguão do aeroporto para seguir a jornada, será que é demais? Garantir que vamos voar pelo menos 3h todo dia de programação, pra não ficar fazendo 1 etapa por dia, pulando de hotel em hotel, é demais?!

        Ou seja, pedir mais organização, mais consideração, mais coordenação, visando segurança de voo, saúde, bem estar, será que é demais?!

        A reivindicação salarial do SNA é 8%, que é o que todas as categoria tem conseguido, e parece mais de acordo com a inflação real.

        A negativa de quase todas as reivindicações citadas aqui, que não oneram em praticamente nada as empresas, é que é motivo de greve, porque é muita sacanagem!

        E meu amigo, calma lá VOCÊ por apontar que o meu discurso está alinhado com a CUT e da CS, inclusive vocabulário!

        E tenha consciência, de que o governo não ajuda, é verdade, mas as empresas não estão nem aí pra segurança, nem pra nada, só querem saber do lucro para os acionistas! Sabe o que eles iam fazer se diminuíssem os custos da aviação? Baixar o preço da passagem, pra levar mais gente, comprar mais avião, pra voar mais e lucrar mais!

        E nada para o aeronauta! É isso que ia acontecer!

        A categoria tem que se mostrar forte! Tem que se sindicalizar! O SNA tem que ter “bala na agulha”, tem que ter uma alta porcentagem de sindicalizados para que a classe cresça e prospere! Para sermos respeitados!

        A negativa das propostas que eu falei aqui é um desrespeito! É assim que eles nos tratam!

        Caia na real!

        Espero a sua resposta!

        • Chumbrega
          4 anos ago

          A real é q nada mudou. Again
          A categoria deu a resposta.

  4. Agnaldo Felix
    4 anos ago

    Aos entendidos que tudo sabem: alguma explicação razoável ou é o indicativo do apocalipse. Ou então, mais um boato?

    http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/12/13/aeronautas-recusam-proposta-das-empresas-aereas-e-decretam-estado-de-greve.htm

  5. Julio Petruchio
    4 anos ago

    Não vai ter greve nenhuma! Nunca teve, nunca vai ter!

    • Darth Vader
      4 anos ago

      Fica na tua, que quando tu nem era nascido os trabalhadores da TR, VP e RG faziam greve! E que bom que a geração nova tá acordando e se movimentando, pra talvez, garantir um futuro digno na sua profissão.

      • Chumbrega
        4 anos ago

        Com todo o respeito colega, não vem com essa de TR, VP e RG.

        Em que deram essas greves? O povo da Varig, sobretudo os mais coroas, ficou a ver navios sem o Aerus. Muitos vão morrer pobres. VP e TR estão processando as empresas pelos direitos de acordo demissional até hoje. 10 anos. Sabe quando vão receber né? Então não me venha com essa de que “na minha época eu lutava”. Na prática tá todo mundo com grana pra receber, mas sem nenhuma perspectiva.

        De novo: em que deram essas greves?

  6. Zé Maria
    4 anos ago

    Corroborando o que disseram o Cmte Charles e o Chumbrega:
    Mais do mesmo no SNA, essa diretoria se elegeu na promessa de que viveríamos novos tempos, mas o que estamos vendo é apenas a repetição de velhas práticas já provadas ineficazes. . .
    Em suma, se correr o bicho pega, se ficar o bicho come!!
    E vai ser sempre assim, a única alternativa plausível para eles é essa greve de final de ano, desde o tempo do “guaraná sem rolha” é assim. . .nada de idéias ou posturas novas. . .
    E o resultado já é de antemão conhecido por todos. . .apenas que para a diretoria que tem proteção da lei, nada pode acontecer. . .fácil assim convocar prá greve, não é o deles que vai dançar. . .
    E que não me apareça por aqui algum diretorzinho do sindicato dizendo o contrário, porque nem moral para isso eles tem. . .contra fatos não há argumentos!
    Em tempo, nunca fui, não sou, e jamais serei sindicalizado, conheço as peças desse joguinho de xadrez faz tempo, e bota tempo nisso!
    Zé Maria

  7. Cmte Charles
    4 anos ago

    Essa greve vai denegrir a imagem dos aeronautas perante a sociedade usuária do sistema aéreo assim nos tornando vilões do caos que a mesma irá causar nesse período de festas, tivemos o ano todo para cruzar os braços tento em vista que isso já se arrasta a tempo afetando de modo eficaz e em massa as empresas aéreas sem perder o apoio da população e do governo porque faze-la agora? Para perdemos a razão? não vcs colegas sindicalizados ou não, sejamos inteligentes “DIGA NÃO A GREVE BURRA”!!!!

  8. Chumbrega
    4 anos ago

    Sou sindicalizado e sou TOTALMENTE contra a greve, ainda mais nesta época do ano e com pouco tempo para as companhias se prepararem para eventuais contingências. Estou me sentindo pagando um mico tendo me sindicalizado na esperança que esta diretoria fosse mais séria. Tô vendo mais do mesmo. Só lamento…

  9. fredfvm
    4 anos ago

    Sei não viu… na última tentativa de greve nacional, vários tripulantes da antiga WebJet foram demitidos e a confusão foi Grande. Como sempre, o Governo nada fez. Acho pouco provável que a greve com paralisação aconteça novamente, ainda mais perto do Natal.

Deixe uma resposta