Piloto desaparecido no MT reaparece

By: Author Raul MarinhoPosted on
329Views6

O piloto que desapareceu no MT, segundo informado neste post, deu sinal de vida – ele realmente foi sequestrado, mas reapareceu (embora a história esteja meio estranha ainda…). Mais informações nesta reportagem do G1: “Piloto de MT que sumiu há 16 dias liga para a mãe e diz que foi sequestrado“.

6 comments

  1. Enderson Rafael
    4 anos ago

    Mais bozinho é o quanto nossas fronteiras são furadas. Talvez estivesse até com o transponder desligado e certamente não falou com o ATC. E ng fez nada. Aquele monte de A29 em CGR são pra enfeite. Um avião perfeito pra este tipo de interceptação, totalmente subutilizado.

    • Enderson Rafael
      4 anos ago

      Em tempo, Juína está a 150nm da fronteira. Ou seja, foi bem uma hora voando até chegar lá.

  2. Aleksandro Gardano
    4 anos ago

    Não sei se foi alocado o 7500, parece que não….mas penso também se neste tipo de situação isto é algo exequível, tendo em vista uma ameaça direta (levando-se em conta a veracidade do relato e que o sequestrador entenda de códigos SSR) …

    • Thiago T
      4 anos ago

      esse negócio de código de interferência ilicita é relativo, vc nao sabe se se o sequestrador entende ou não de aviação(provavel que sim), se entender ai vc se dá mal e nao adianta muita coisa, um conhecido meu foi sequestrado algum tempo atrás e alocou o 7500 sabe oque aconteceu? Nada! nenhum ATC recebeu o código até pq esse tip de voo só é tudorealizado sorrateiramente, derrubando macaco de arvore

      • Flavio Veiga
        4 anos ago

        Realmente Thiago…
        Uma coisa interessante. Quando fiz meu PP o controlador que dava aula de Reg dizia que se verem 7500 todos no controle ficariam quietos e aguardariam um contato do piloto e mesmo com contato positivo, nao fariam a velha pergunta que mata piloto “Estao sendo sequestrados?”. E que diferente de um 7700 ou 7600 que podem ser cancelados, com a pane resolvida. A “situacao” criada pelo 7500 nao é cancelada nem apos o pouso. Mesmo com o pil dizendo “confirmo! Eu errei!” o controle nunca sabera se esta sendo ou nao obrigado a falar aquilo. Achei muito legal.
        Ate que um aviao brazuca, decolando da Argentina, teve uma pane e colocou 7500 em vez de 7700…. E toda a teoria acima foi esquecida pelos controladores portenhos e uma zona na fonia foi instalada….
        Minha opniao, melhor é nao ter uma ilicita e se tiver….voe pra Cuba e aceite a marguerita kkkk brincadeiras a parte….é uma pena procedimentos bons cariem na boca do povo ate por filmes da secao da tarde ……

Deixe uma resposta