Sobre a obrigatoriedade de curso prático de PC em escola homologada

By: Author Raul MarinhoPosted on
754Views18

Já faz algum tempo – uns 2 ou 3 meses, mais ou menos – que venho recebendo mensagens quase todos os dias perguntando sobre uma suposta alteração no RBAC-61 no sentido de tornar obrigatório o curso práticode PC em escola homologada (opção de 150h de voo para PCA ou 100h para PCH) – isto é: não seria mais possível checar o PC voando em aeronave particular (200h para PCA ou 150h para PCH). Então, acho que é melhor escrever um post esclarecendo este aspecto de uma vez por todas. É o seguinte:

NÃO HÁ NADA OFICIAL NO SENTIDO DE TORNAR OBRIGATÓRIO O CURSO PRÁTICO DE PC EM AEROCLUBE/ESCOLA DE AVIAÇÃO, E NO WORKSHOP SOBRE A REFORMA DO RBAC-61, RECENTEMENTE PROMOVIDO PELA ANAC, ISSO NEM FOI COLOCADO EM DISCUSSÃO.

Isso significa que essa história de só poder checar o PC voando em aeronave de aeroclube/escola de aviação é boato, conforme se pode comprovar pela apresentação da GCEP/ANAC sobre a revisão do regulamento, onde este suposta alteração não consta do rol de propostas.

*ATENÇÃO: Estou me referindo ao curso prático – as horas de voo -, e não ao curso teórico, que já é e continuará sendo obrigatório de ser realizado em aeroclube/escola homologada.

18 comments

  1. Felipe Neto
    5 meses ago

    Boa tarde Raul, tudo bem?
    Preciso sanar uma dúvida. Logo após checar o PP, dei inicio aos voos do PC em aeroclube homologado para tal, porém, surgiu a oportunidade de voar duplo comando numa aeronave particular. Tempos depois, fui a voo em comando.Acumulo as horas necessárias para o check de PC (200h), as 100 em comando, as navegas, e bla bla. Teria que fazer as ifr apenas para pedir o check de PC. Mas a uma questão que me deixa em duvida, depois que saí do aeroclube, nunca tive um INVA junto nos voos, nem mesmo nos duplos. Meu processo poderá passar sem a presença deste em meus voos?
    Grato

    • Raul Marinho
      5 meses ago

      Voo em duplo-comando de instrução requer obrigatoriamente um INVA, além de não poder haver pax/carga. Nos voos em que vc foi o PIC, ok.

  2. Gabriel Nogueira
    2 anos ago

    Raul bom dia! Andei o site e não achei nada parecido com minha dúvida , mais vamos lá estou a iniciar um curso teórico de PP-A na EJ que na verdade seria uma orientação como eles dizem porém to na dúvida pois eles dizem que não encaminham o nome pra ANAC mais que esse curso valida minha participação na banca, quero saber sua opinião a respeito já que o custo/benéfico está muito bom. Obrigado!

    • Raul Marinho
      2 anos ago

      Esse curso não é obrigatório, por isso eles não enviam seu nome para a ANAC. Ele não “valida” sua participação na banca porque tanto faz vc fazer ou não (em termos regulamentares).

  3. Lucas Carvalho
    2 anos ago

    Raul… Sou Piloto privado e tenho o piloto comercial/ ifr teorico e PLA teorico.
    Gostaria de saber se é possível eu estar voando as horas de Piloto Comercial em aeronave particular, porem um seneca…sabido que as horas aumente.
    quais sao os primeiros procedimentos? pois não tenho o Multi?
    Posso estar realizando as horas ifr no seneca sem ter o multi? assim consigo checar PP/IFR e depois checar no aeroclube o multi para depois estar realizando as horas em comando?

    • Raul Marinho
      2 anos ago

      Lucas, eu sinto muito, mas não vai funcionar. Mesmo que vc tenha alguém disposto a ajudar com um Seneca, o fato é que ter instrução numa aeronave com um custo de bimotor só vai fazer sentido para a parte MLTE, no máximo IFR+MLTE. O resto, faça em MNTE mesmo.

  4. Henrique
    3 anos ago

    Caro Raul,

    Estou tirando o PPA, em seguida pretendo obter Multimotor, porém não preciso de PC. é possível tirar o Multi sem o PC? Para isso preciso ir para escola ou posso fazer em avião próprio? Caso possa em avião próprio quais os pré-requisitos? Obrigado.

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      Estou tirando o PPA, em seguida pretendo obter Multimotor, porém não preciso de PC. é possível tirar o Multi sem o PC?
      =>Sim.

      Para isso preciso ir para escola ou posso fazer em avião próprio?
      =>Pode ser em avião próprio.

      Caso possa em avião próprio quais os pré-requisitos?
      =>Os da seção 61.195-c do RBAC-61, a saber:
      (c) Instrução para a concessão da habilitação de classe multimotor terrestre: o solicitante deve ter
      realizado, no mínimo, 12 (doze) horas de instrução de voo em avião classe multimotor que incluam,
      pelo menos, 2 (duas) horas de voo em avião do mesmo fabricante e modelo do avião a ser usado no
      exame de proficiência, tudo dentro do período de 6 (seis) meses precedentes à data desse exame. A
      instrução deve incluir, no mínimo, os seguintes aspectos:
      (1) reconhecimento e gerenciamento de ameaças e erros;
      (2) procedimentos anteriores ao voo, incluindo peso e balanceamento e verificação das
      condições gerais de aeronavegabilidade do avião;
      (3) operações em aeródromos e em circuitos de tráfego; precauções e procedimentos de
      prevenção de colisões;
      (4) controle do avião utilizando referências externas;
      (5) voo em baixas velocidades, reconhecimento e recuperação do pré-estol, estol e
      recuperação de estol;
      (6) voo em altas velocidades e recuperação de picadas;
      (7) decolagens e pousos com ventos de frente e de través;
      (8) voo com referência dos instrumentos, com curvas niveladas de 180 (cento e oitenta) graus
      e 360 (trezentos e sessenta) graus;
      (9) voo de navegação por contato/estimada entre aeródromos controlados, utilizando
      procedimentos e fraseologia do controle de tráfego aéreo; e
      (10) operações de emergências com falhas simuladas de equipamentos e de um motor da
      aeronave.

  5. Luiz Renato
    3 anos ago

    Raul, até hoje 01/06/14, está aberta a audiência pública que trata alterações em relação ao curso de PP e PC.
    Porém tem um monte de portaria descrita no processo, que fica difícil para nós iniciantes acompanharmos.
    Traduza pra gente se for possível.
    Desde já agradeço.

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      Mas isso é só o que tenho feito nos últimos 15 dias aqui no blog!
      Há dezenas de posts sobre isso.

  6. Fábio Leandro
    3 anos ago

    Raul, já fiz algumas pesquisas sobre uma dúvida que tenho e ainda não encontrei nada a respeito, gostaria que me ajudasse se possível. Quero saber se realmente existe o prazo de 1 ano para fazer a banca da Anac de PC após a conclusão do curso teórico, obs: já sou PP checado.

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      Não existe prazo. Vc faz a banca qdo quiser (pelo menos, até agora está assim…).

  7. Ygor Cunha
    3 anos ago

    Então, quem possui uma aeronave particular para voar as horas do PC, também vai precisar contratar um instrutor? É isso?

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      Não tem nada a ver com o que escrevi. O INVA sempre foi requerido para as horas em duplo-comando (IFR, MLTE se for o caso, e para tirar a restrição noturna); e as horas em comando sempre puderam ser feitas sem o INVA; seja em curso homologado, seja em aeronave particular. Isso também não muda, mas não se trata do assunto do post.

  8. Flávio
    3 anos ago

    E para o curso de PPA/H (teórico) será que a ANAC vai mudar mesmo?
    Porque o prazo final é em Junho quem fez a prova passou se deu bem, quem não fez e não passou só pagando o curso.

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      A tendência é de que não seja obrigatório. Mas o RBAC nem entrou em consulta pública ainda, então dificilmente será aprovado antes de 21/06. Logo, pode ser que haja um período de transição complicado pela frente.

  9. fredfvm
    3 anos ago

    O “Curso Prático” sim, só em aeroclube/Escola Homologada Raul, mas um Piloto Privado que saiu do PP e foi voar um avião monomotor particular, voou mais de 200 horas PIC, pode solicitar o cheque de PC sem precisar de voar o prático de PC nessas escolas.

    Estou certo disso ?

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      Entenda “curso prático de PC” como “a parte prática para poder checar o PC”, Fred.

Deixe uma resposta