Estado de Minas: “Após rumores, TAM não confirma compra da regional Passaredo”

By: Author Raul MarinhoPosted on
230Views1

A despeito do que foi informado no post “Blog Radar da Aviação/Estadão: ‘TAM negocia compra da regional Passaredo’”, parece que o negócio não está tão certo assim. É o que informa a reportagem do Estado de Minas, abaixo reproduzida (fonte: Aeroclipping do SNA):

Estado de Minas

11/07/2014 11:50

Após rumores, TAM não confirma compra da regional Passaredo

Empresa está em recuperação judicial desde outubro de 2012 e tem dívidas estimadas em R$ 100 milhões

Fernanda Borges

A TAM não confirma a negociação para a compra da companhia aérea Passaredo, empresa que está em recuperação judicial desde outubro de 2012. Em nota divulgada nesta sexta-feira, a companhia afirmou que o único tipo de contrato que possui atualmente com a Passaredo é um acordo de compartilhamento de voos, que passa a ser válido em 1° de agosto.

Segundo a TAM, a parceria assinada no fim de maio vai permitir opções de voos para nove destinos operados pela Passaredo, além de compra de passagens para as frequências operadas pela companhia nos canais de venda TAM.

Com sede em Ribeirão Preto, a Passadero atua no mercado há 19 anos e voa para cerca de 20 destinos nacionais. Na ocasião em que entrou com pedido de recuperação judicial, a empresa aérea regional apontou “o alto preço do combustível, o atendimento das demandas regionais utilizando jatos e, inclusive, uma concorrência específica, momentânea e predatória” como motivos que à levaram à quase falência. As dívidas da empresa estão estimadas em R$ 100 milhões.

Procurada pelo em.com.br, a empresa regional ainda não se manifestou sobre o possível acordo.

One comment

  1. Andre Hashigute
    3 anos ago

    Uma amiga que voava na Trip disse que o mesmo aconteceu na compra da Trip pela Azul. Primeiro saíram rumores na internet, em seguida a empresa negou. Passado alguns meses a compra se concretizou. Torço para que isso seja a consolidação de novos tempos na aviação no Brasil, onde a TAM inicie seus vôos regionais e compre mais aeronaves e consequentemente, mais empregos para todos nos. Nosso meio está precisando de (boas) novidades…

Deixe uma resposta