Aircons (Facebook): “TCAS 7.1 será obrigatório – O que muda com o novo software?”

By: Author Raul MarinhoPosted on
330Views0

Reproduzo abaixo o texto publicado no perfil da Aircons no Facebook, sobre o novo software para o TCAS. Interessantíssimo!

TCAS 7.1 será obrigatório – O que muda com o novo software ?

O desenvolvimento da versão 7.1 foi iniciado pelo EUROCONTROL, após a descoberta de dois problemas de segurança com a versão atual do TCAS II 7.0.

O desenvolvimento foi realizado conjuntamente pelos Estados Unidos e pela EUROCAE na Europa, com o apoio e contribuições de várias outras organizações, incluindo as principais companhias aéreas e prestadores de serviços de navegação aérea (ANSP).

Os MOPS foram revistos após a identificação pelo EUROCONTROL de duas questões de segurança na lógica TCAS existente (uma relativa ao desempenho da lógica RA- de reversão, e a outra envolvendo respostas incorretas de ajuste de razão de subida ou descida . A FAA e EASA publicaram as TSO e ETSO para a versão TCAS II 7.1

A Comissão Europeia publicou regra de execução determinando a utilização de ACAS II versão 7.1 no espaço aéreo da União Europeia a partir de 01 de dezembro de 2015 por todos os aviões atualmente equipado com a versão 7.0 e de 1 de março de 2012 por todos os novos aeronaves com peso máximo de decolagem acima de 5.700 kg ou com capacidade de mais de 19 assentos.

Questões de segurança Versão 7.0 atual

Desde a sua introdução na Europa em 2000, TCAS II versão 7.0 tem sido objeto de um acompanhamento. Nas análises de registros e de eventos, foram encontrados muitos casos em que os pilotos não responderam corretamente ao ” Adjust vertical speed, adjust ” Resolution Advisories (RA) – a razão de subida ou descida foram aumentadas em vez de diminuir. Além disso, também houve uma série de casos em que o TCAS II versão 7.0 não conseguiu reverter uma RA quando dois aviões convergindo permaneceram dentro de 100 pés. Este tipo de cenário seria ocorrem quando o piloto não está seguindo a RA, a aeronave não é equipada com TCAS II, o piloto segue uma instrução ATC ou o piloto executa uma manobra de evasiva visual.

Versão 7.1 solução – novo ” Level off, level off ” RA

Para evitar respostas incorretas do piloto, na versão 7.0 o ” Adjust vertical speed, adjust ” RA foi substituído por um novo ” Level off, level off ” RA que exige uma redução da razão de subida ou descida para 0 pés / min.
O nivelamento deverá ser feito rapidamente, não próximo ao nível de voo (por exemplo, FL200, FL210, etc).
O ” Level off, level off ” RA pode ser emitido como um RA inicial ou quando a distância vertical entre as aeronaves aumenta. Além disso, o ” Level off, level off ” RA irá minimizar os desvios de altitude induzidas pelo TCAS, reduzindo assim o impacto sobre o órgão ATC.

Versão 7.1 – Melhoria na lógica de reversão
Uma funcionalidade foi adicionada à lógica da versão TCAS II 7.1 que monitora o cumprimento RA em encontros coordenados (ou seja, quando ambas as aeronaves são equipadas TCAS II). Quando é detectado que uma aeronave não está respondendo corretamente a uma RA, RA uma reversão será emitida para a aeronave que executa a manobra de acordo com a RA comandada pelo TCAS.

Em encontros quando apenas uma das aeronaves é equipada com TCAS II, a versão 7.1 irá reconhecer a situação e irá emitir uma reversão de trajetória se a aeronave não equipada com TCAS se mova na mesma direção vertical que a aeronave equipada com TCAS II. Embora a alteração de lógica de reversão é clara para o pilotos, irá, no entanto, trazer melhorias significativas na segurança de voo.

Consulte a Aircons sobre a nova exigência e faça o treinamento
ON LINE conosco acesse www.aircons.com.br

10561780_330400603800850_1429607940009555301_n 10649551_330400583800852_7169626564672366345_n

Deixe uma resposta