Pessimildo

By: Author Raul MarinhoPosted on
331Views8

No sei se vocês viram o novo personagem da campanha da candidata à reeleição, Dilma Roussef, o tal do Pessimildo. Uma das vinhetas com esse novo personagem fala justamente da questão da infraestrutura aeroportuária, vejam:

Entenderam a mensagem, pessoal? Acho que não dá para ser mais clara, né?

De agora em diante, quem reclamar dos excelentes serviços prestados pela ANAC, pelo DECEA, ou pela INFRAERO; quem duvidar do glorioso plano para a aviação regional em gestação na SAC-PR; quem disser que a qualidade da formação aeronáutica está indo ladeira abaixo (mentira!); enfim, quem criticar a atuação do nosso magnânimo governo para com a aviação será um Pessimildo, um inimigo de quem conseguiu conquistar o direito de viajar de avião, ou seja: um inimigo do povo! Eu é que não quero ser um Pessimildo!

8 comments

  1. Raul Marinho
    3 anos ago

    NOTA: Todos os comentários com ofensas pessoais e palavras de baixo calão foram suprimidos. Solicito aos leitores manter o debate num alto nível, como sempre foi aqui.

    • provocador
      3 anos ago

      os meus comentários não foram ofensivos. Inclusive, o primeiro. Onde dava uma opinião contrária a opinião geral. Era respeitoso, Raul. Desde que apenas discordar seja errado. abcs

      • Raul Marinho
        3 anos ago

        Sem entrar no mérito de quem comentou o quê, o problema é que ocorreu um bate-boca, e não daria para apagar um comentário e manter sua resposta, mesmo que essa resposta não contivesse ofensas. Então, foi preciso apagar tudo, senão o comentário que sobrasse ficaria sem sentido. A discordância aqui sempre foi permitida e até incentivada – basta ver os comentários de servidores da ANAC que foram aprovados ontem.

        • provocador
          3 anos ago

          Concordo em partes. Mas tudo bem, entendo, Raul. O comentário que fazia era realmente sobre a propaganda e como ela foi distorcida aqui. E sobre críticas a ANAC, concordo e ajudo. E o Crespo é sério, meu amigo pessoal. abraco

  2. Ela só reeditou o “Brasil, Ame-o ou Deixe-o”, do Regime Militar. Tanto criticam as “ditaduras”, mas são mais fascistas do que elas todas juntas. O ParTido-Seita nunca conviveu bem com o contraditório, com a Democracia. Como em outras regiões do Globo, a Esquerda se vale do processo democrático para depois tentar acabar com a própria Democracia. No que depender deste “Pessimildo” aqui (na verdade, um “Realildo”), não passarão. Tenho dito.

  3. David Banner
    3 anos ago

    Aprendam uma coisa: “Burocracia dá dinheiro”. Muito dinheiro pra alguns poucos. Picaretas, salafrários e coisas do gênero.

    Sem a burocracia, não há cobrar aquele por fora pra agilizar o processo, sabe?

    Sem burocracia não existiria os despachantes e toda sua cadeia de picaretas com com suas maracutaias…

  4. Luiz
    3 anos ago

    Olá, burocracia apenas na ANAC? Olhe esta entrevista com Amyr Klink. Um dos entraves para esse negócio(alugar barco para turistas) vingar no Brasil, segundo Amyr, é diminuir entraves burocráticos no licenciamento, nas concessões e na formação de pilotos. “Exige-se da pessoa que trabalhará com turismo naútico a formação de sete anos em marinha mercante. Eu tenho 200 mil milhas navegadas em alta latitude e não posso alugar meu barco comigo de piloto”, afirma. Segue link: http://epocanegocios.globo.com/Inspiracao/Vida/noticia/2014/09/amyr-klink-detesto-palavra-sucesso-por-mim-queimava-todos-os-livros-de-autoajuda.html

Deixe uma resposta