O número do besta: 9.782

By: Author Raul MarinhoPosted on
379Views16

Se o número da besta é 666, o número do besta é 9.782. Este é o valor que um piloto tem que pagar para realizar cheque no exterior.

cópia de 10646726_10152625980628280_5856798035259993253_n

16 comments

  1. Felipe
    3 anos ago

    Voces estão abismados com esse valor para a taxa do cheque no exterior?
    E o que acham de 6.800 reais para um simples recheque de mlte/ifr?! Foi o orçamento que recebi hoje…

  2. David Banner
    3 anos ago

    Francamente… Acho que o caminho mais curto pra uma recuperação da aviação nesse país é a sua completa inviabilização. Sim. Um cataclismo no sistema aeronáutico brasileiro. Sua completa destruição. Nenhum avião decola ou pousa por aqui. Viraremos VERGONHA internacional. Prejuízos aos montes. Quem sabe assim alguma coisa mude, quando a coisa começão de novo do zero.

    • David Banner
      3 anos ago

      *quando a coisa começar de novo do zero.

      • Julio Petruchio
        3 anos ago

        Desculpe contrariar os seus devaneios, mas não vai!

        Nunca vai mesmo acontecer algo assim.

        E se acontecesse na “aviação dazelitibrancadizóiuzazul” quem iria se importar?!

        • David Banner
          3 anos ago

          Verdade, Julio. Rssss Mas como devanear não paga nada….

  3. Narito
    3 anos ago

    Só para quem não sabe como funciona, que parece ser todo mundo:

    Todas as taxas cobradas pela ANAC foram estabelecidas pela Lei 11.182/2005, a mesma que criou a ANAC. Ou seja, a ANAC não definiu nenhum destes valores – foi o Congresso Nacional. Por isso que nenhuma taxa faz sentido (ou são baratas de mais ou caras de mais). E para dezenas de serviços não há taxa. E há taxas repetidas com valores diferentes. O dinheiro também não vai para a ANAC, vai para o Tesouro Nacional, e o Ministério do Planejamento distribui como quer – geralmente vai constituir o “superávit primário”. À ANAC, cabe apenas cobrar, ou vai arranjar encrenca com o TCU (existe um crime chamado “prevaricação”).

    Quer mudar? Você elegeu (e vai eleger ou reeleger) vários senadores e deputados federais.

    Quer ver como não faz sentido? O inicial é R$9.782,00. O periódico é R$100,00 ou R$115,00…

    • Amgarten
      3 anos ago

      Obrigado por ter explicado melhor a questão tarifária, Narito. O problema, do ponto de vista do contribuinte e usuário do sistema, é que ele paga cada vez mais taxas e impostos e vê cada vez mais os serviços piorarem. Antigamente se dizia que o Brasil era “Belindia” , ou seja, cobrava impostos Belgas mas oferecia serviços da Índia. Hoje em dia, exceto para beneficiários das bolsas, parece que os impostos são ainda maiores e os serviços ainda piores.
      Isso me lembra aquela história que dizem quando o surto da dengue ocorre e aí cada governante põe a culpa na outra esfera, e então os críticos (pessimildos) dizem: ” o povo nao quer saber se o mosquito é municipal, estadual ou federal, o povo que saber de solução”.

    • Leonardo Lebtag
      3 anos ago

      Parabéns Narito, explicou maestralmente.
      Apenas complementando, essa taxa foi elaborada pensando em mandar um Examinador ao exterior e realizar o cheque lá! Por isso o preço enorme.
      Agora já que quem fará o cheque serão examinadores dos CTACs bem que poderiam repensar essa cobrança, ou seria muito pedir bom senso dessa agência??

  4. Amgarten
    3 anos ago

    E não se esqueçam que os valores de todas as taxas Anac não sofreram reajuste desde a criação da Agência. Sendo assim, em algum momento do futuro estas taxas terão de ser reajustadas. Mas como as pessoas dizem: “patrão é rico, piloto é rico, tem que pagar muito mesmo!!”
    Outro detalhe importante é que para a aviação 91, a taxa só é aplicada para os iniciais, para as revalidações (ainda) não há taxas, exceto a tradicional de 115 reais.

    • fredfvm
      3 anos ago

      Sem esquecer, o significado de GRU – Guia de Recolhimento da União – ou seja, vai tudo direto para o bolso errado e acho que a ANAC não recebe o mesmo montante que arrecadou.

  5. Lucas Ribeiro
    3 anos ago

    Não acho que seja pura corrupção, acho que é um pouco de superfaturamento do toda a burrocracia que temos que fazer aqui no Brasil para validar um cheque feito la fora. Ou seja, burocracias que não são nem um pouco necessárias mas como tem gente que vive disso somos obrigados a pagar.

  6. Beto Arcaro
    3 anos ago

    This is the end….
    My only friend, the end…

  7. Marcello
    3 anos ago

    Concordo…

  8. Francisco
    3 anos ago

    Isso está fora da realidade do Brasil, a anac esta infestada de corrupção como a maioria dos órgãos públicos..

Deixe uma resposta