Piloto Policial: “Sumário Executivo – As Tendências do Uso de Drogas na Aviação”

By: Author Raul MarinhoPosted on
539Views2

Recomendo ler o post recém-publicado pelo blog Piloto Policial – “Sumário Executivo – As Tendências do Uso de Drogas na Aviação” -, baseado num estudo da NTSB sobre o assunto. Há muita informação relevante lá, mas gostaria de adiantar uma aqui:

O medicamento potencialmente prejudicial mais comumente usado pelos pilotos foi a difenidramina, um anti-histamínico sedativo com um ingrediente ativo presente em muitas formulações de MIPs* para alergia, em medicamentos para resfriado e em soníferos.

*MIP: Medicamento Isento de Prescrição

Ou seja: o problema das drogas na aviação não se restringe aos entorpecentes ilícitos, como se poderia pensar – na realidade, drogas “inofensivas” como um remédio para resfriado pode estar por trás de acidentes aéreos. Você sabia disso?

2 comments

  1. José Luís
    4 anos ago

    Uma boa regra para o caso de emergência e desconhecimento da lista de medicamento que podem afetar o desempenho é ler a bula e ver se tem aquela pequena informação sobre perigo para pessoas que vão dirigir, operar maquinas e ou fazer trabalhos que exijam atenção concentrada.

  2. Mena Barreto
    4 anos ago

    Raul,

    Acho que o caso mais ilustrativo disso são alguns tipos de xarope para tosse. Por incrível que pareça é “no go” para tripulantes.

    Abraço

    Mena Barreto

Deixe uma resposta