A solução simples e errada para o “problema” do “apagão de pilotos” nos EUA

By: Author Raul MarinhoPosted on
1286Views2

Aqui no Brasil, o mito do “apagão de pilotos” de 2009-11 serviu para vender horas de voo em aeroclubes/escolas e para tentar mudar a legislação, permitindo a contratação de pilotos estrangeiros. Já nos EUA, o atual “apagão” (igualmente inexistente, conforme demonstrado aqui) está servindo, principalmente, para tentar emplacar projetos de eliminação de copilotos nas cabines de jatos comerciais, como o da NASA – vide esta matéria do Corporate Jet Insider: “Where Have All the Pilots Gone?“.

Aí o amigo Fábio Otero, que foi quem me mostrou a matéria, pergunta se o jornalista que escreveu essa patacoada o fez a sério, ou se é pura ironia. Eu acho que não é nem uma coisa nem outra: ele o fez por encomenda mesmo. Porque, na defesa dessa tese de “apagão de pilotos”, sempre vem alguma proposta de solução que beneficiará alguém economicamente. Então, como em Watergate, basta seguir o dinheiro. “Follow the money”, já ensinava o Deep Throath!

2 comments

  1. Juliano Rangel
    5 anos ago

    É uma pena, mas os jornalista de hoje também são políticos…

  2. Rafael
    5 anos ago

    O que acho engraçado é como se gasta um monte de dinheiro e tempo com coisa inútil. Esses estudos e pequisas gastam uma dinheirama. Era muito mais simples e rápido pagar os pilotos decentemente e ter requisitos adequados ao mercado.

Deixe uma resposta