Novo Manual Geral de Treinamento para pilotos em desenvolvimento

By: Author Raul MarinhoPosted on
1015Views8

Uma ótima notícia no campo da segurança e da qualidade da formação aeronáutica brasileiras: está em desenvolvimento um novo Manual Geral de Treinamento para pilotos, numa parceria inédita entre CENIPA/SERIPA-V, ANAC, ABRAPAC, PUC-RS, Aeroclube de Eldorado do Sul, Abordo Fatores Humanos (consultoria em psicologia aplicada) e o Centro de Treinamento de Helicópteros (Helipo) – vide esta nota do CENIPA. De acordo com o comunicado, “o  novo Manual Geral de Treinamento abrange alguns dos temas que são discutidos no ‘Estágio de Padronização da Instrução Aérea’ (EPIA)” – que foi amplamente comentado aqui.

Para se ter uma ideia da deficiência dos manuais de treinamento de pilotos hoje disponíveis, eles ainda requerem retroprojetores, videocassetes (e um elenco de fitas VHS) e flanelógrafos – um claro indício de sua obsolescência.  E, por incrível que pareça, até hoje não existem nem o manual para o curso de piloto de avião da classe MLTE (multimotores), nem para o curso de instrutor de voo de helicóptero, embora haja um manual de curso de piloto agrícola de helicóptero (equipamento praticamente não utilizado no Brasil).

8 comments

  1. Vitor
    3 anos ago

    Um dos maiores motivos por desistir de exercer a função de instrutor de voo após 27 meses na “profissão” foi a falta de atenção por parte das autoridades e instituições (aeroclubes/escolas) com nossa classe!
    Que a formação aeronáutica primária no Brasil de um salto gigante rumo a excelência para o bem de todos os envolvidos.

  2. Eduardo
    3 anos ago

    Raul, os manuais para mecânicos que hoje também estão defasados. Mais do que de nós pilotos.
    O Manual Geral será um ponta pé inicial para todos os outros manuais de formação. O foco inicial agora é para instrução de pilotos, mas vai abrir a possibilidade de atualizar, nos mesmos moldes, os manuais para mecânicos, por exemplo.

  3. Eduardo Morteo
    3 anos ago

    Raul, represento a ABRAPAC neste grupo. Estamos realizando sim um manual nos moldes mencionados em seu blog. Mas devo chamar atenção para o seguinte: este manual é uma base não só para manuais de pilotos, mas também manuais para formação de mantenedores que são um dos pilares da nossa segurança de voo, garantindo manutenção adequada para o sistema como um todo.
    Parabéns pelo seu blog e por favor, permita-me o convite aos seus leitores.
    Convido vocês a participar, contribuindo com a experiência de vocês. Com base no EPIA, oferecido pelo SERIPA V, o que vocês acham que poderia mudar com base nas técnicas mais atuais de ensino? O foco é no fator humano. Repassem os comentários para o e-mail: am-consulting@outlook.com

    Um abraço,

    Eduardo Morteo

    • Raul Marinho
      3 anos ago

      Muito obrigado pelo seu comentário, Eduardo!
      Mas você poderia esclarecer a sua informação sobre o que seriam esses “manuais para formação de mantenedores”?

      • Eduardo
        3 anos ago

        Raul, são os manuais para mecânicos. Os manuais deles estão mais desatualizados ainda. O MGT está voltado para pilotos, mas dará base para repetir em outras áreas da indústria. Precisamos ter muita atenção, pois o processo de formação destes mecânicos, na opinião de muitos especialistas, não pode continuar dessa forma.
        Na opinião de um desses especialistas, “(…) muito se fala e faz por quem voa e quase nada por quem faz voar. Sem a manutenção e os mantenedores, o avião não decola com segurança”.

  4. Beto Arcaro
    3 anos ago

    ….

  5. Beto Arcaro
    3 anos ago

    Ué Raul!!
    Mas você não é “Pessimista”?? Kkkk
    Vamos instigar então, a nossa imaginação, a nossa capacidade de sonhar e perguntar:
    E se isso tivesse sido pensado na época do “suposto” apagão de Pilotos?

Deixe uma resposta