Câmara dos Deputados vai criar uma comissão especial para analisar o “Projeto Aviador”

Câmara dos Deputados vai criar uma comissão especial para analisar o “Projeto Aviador”

By: Author Raul MarinhoPosted on
1505Views10

Esta nota publicada em 28/09/2016 no Portal da Câmara dos Deputados informa que será criada uma comissão especial na casa para analisar o Projeto de Lei N°4873/16, do deputado Caio Nárcio (PSDB-MG), que regulamenta a profissão de aviador – depois, o assunto irá a plenário. Para quem não sabe ou não se lembra do que se trata, recomendo estes dois posts (inclusive os respectivos comentários de leitores), que exploram o assunto com razoável profundidade:

O último post que trata deste assunto no blog é este, que informa que o SNA-Sindicato Nacional dos Aeronautas, a ABRAPAC-Associação Brasileira de Pilotos da Aviação Civil, a Asagol-Associação de Aeronautas da Gol, e a ATT-Associação de Tripulantes da TAM se posicionaram contrariamente ao projeto.

10 comments

  1. Ubiratan
    1 ano ago

    A aviação reconhecidamente como um sistema complexo segundo conceitos , tem no piloto um elemento na cadeia que urge conhecer e está conectado com a a evolução tecnologica como estrutural na indústria aeronáutica. Não se pode mais admitir que um profissional com tamanha responsabildade, desconhecida em sua plenitude por muitos,percebendo proventos acima da média nacional admita apenas o ensino médio cursos de aviação (classificados de nivel profissionalizantes qual é diferente conceitualmente do técnico). Não se sustenta o discurso comum de que não é preciso a exigência da formação acadêmica. As razões são muitas e encontra foro na ética e nas exigências do mercado e da profissão qual necessita uma maior participação de profissionais aviadores que saibam produzir e sustentar fudamentadamente suas necessidades e sua importância perante a sociedade como protagonista e não como coadjuvantes nas discussões onde com sua ausência legítima faculta nascer os especialista de última hora. Voar é bom. Ganhar bem, melhor ainda. Mas a moral pede preparo e qualificação acadêmica tanto quanto a operacional. Todos ganham. O EU do aviador, as empresas, as estruturas, a sociedade e a profissão. A resistencia é esperada mas só daqueles que se demoram na escuridão da ignorância ou se sintam ameaçados devido seu estado patológicos doentis. O Brasil tem posições marcantes no mundo aeronáutico desde seus primórdios. Está na hora de nós aviadores civis e militares da reserva mostrar ao mundo um modelo , que por certo ja existe mas não institucionalizado, fará grandes contribuições na indústria e sociedade em geral em nome da segurança de vôo e da eficiência nos negócios de aviação.

  2. Humberto
    2 anos ago

    Mais uma “jabuticaba”. Tipo: coisa que só no Brasil tem.

  3. Sergio M Costa
    2 anos ago

    Mais uma destas idéias que aparecem em Banânia, criadas por “especialistas” não identificados e que vão progredindo na calada da noite,
    Mais uma tentativa de criação de reserva de mercado inventada por estranhos à comunidade aeronáutica e que buscam defender seus interesses não confessos em detrimento da maioria.
    APPA: como membro, declaro-me visceralmente contra esta idéia parida sabe-se lá como. Espero que nossa Associação levante-se contra a mesma a aja de maneira contrária em todas as instâncias com determinação.
    O primeiro mundo nem pensa no assunto mas aqui pseudo aviadores julgam saber o que é bom para a classe (só se for a deles) !

  4. Pedro
    2 anos ago

    Faculdade para ser político não precisa né?

  5. Julio Petruchio
    2 anos ago

    Por trás dessa idéia tem uns 2 ou 3 oportunistas querendo criar um Conselho de Aviadores que seria responsável por realizar cheques, emitir carteiras, exames médicos e regularia os empregos. Na teoria a idéia até parece ser boa, mas não e´ nada mais do que criar um “sindicato” à parte que dominaria o mercado de trabalho e seria contratado só quem eles quisessem.

    • Marcos Véio
      2 anos ago

      Quem seriam esses 2 ou 3 oportunistas?

      • To chutando!
        2 anos ago

        Carol e Koeller, for starters…

        • vai vendo...
          2 anos ago

          Exato
          O Carolina deveria ir de hangar em hangar procurar emprego, para ver como é bom…
          E o Koeller, deveria pedir baixa da FAB, abrir mão dos benefícios de militar ou ex-militar e trabalhar, para ver como a coisa funciona.

  6. Nurenberg
    2 anos ago

    Boa noite. Eu ja fui aprovado na banca de PC , PLA e eu ainda nao fiz minhas horaa pratixas de voo, entao isso Quer dizer q se isso for aprovado eu nao irei pode fazer as horas práticas a nao ser quentinha o certificado de ciencias aeronauticas?

  7. Dener Antonio Rodrigues da Sliva
    2 anos ago

    Se já estava ruim. um aluno concluir um curso de piloto, devido seus altos valores horas de voo tanto para avião e helicopteros. Agora vai piorar, ainda mais, ter que ser obrigado a fazer uma faculdade que e mais caro que um curso de engenharia. Aonde isso vai parar.com pais em receção.

Deixe uma resposta