Novidades sobre os processos seletivos da Latam e Azul

Novidades sobre os processos seletivos da Latam e Azul

By: Author Raul MarinhoPosted on
217Views8

Apesar das reiteradas tentativas de contato com o RH e com a Assessoria de Imprensa da Latam não terem dado resultado*, aeronautas que trabalham na empresa confirmaram que, conforme informado ontem, a empresa realmente está contratando copilotos por meio de seleção interna – motivo do “rebaixamento” dos requerimentos de mínimos de horas de voo neste processo (200h, contra as 500h que a empresa costuma requerer para o público externo). De acordo com estas fontes, a empresa estaria necessitando contratar cerca de 60 copilotos neste momento. Há perspectiva de que se abram processos externos de contratação no segundo semestre.

Já em relação à Azul, a novidade foi a empresa elevar seus mínimos de experiência para 500h de voo, vide imagem da página de recrutamento da empresa mostrada abaixo:

azulcop – x –

*Atualização de 08/05: A empresa enviou nota para este blog hoje nos seguintes termos:

A LATAM Airlines Brasil informa que no momento as vagas disponíveis são para a migração interna de funcionários da companhia. 
 
Para o mercado, a empresa orienta que os interessados consultem a atualização das vagas disponíveis e efetuem seus cadastros por meio da seção Trabalhe Conosco, no site da empresa.

8 comments

  1. Daniel Marçal
    2 meses ago

    Informações dão conta que ninguém foi aprovado no processo interno da Latam. Seleção externa começa essa semana. Alguns pilotos já receberam email de convocação.

    • roberto
      1 mês ago

      Sabe informar se o processo seletivo comecou? Eu fiz a inscricao e ate agora nada

  2. Allan Dewolatka
    3 meses ago

    Raul por favor. Sobre os requisitos da Azul. Tenho o total de 900h de voo sendo 730 como Instrutor de Voo em uma escola de referência no Sul. Também com MLTE/IFR, Jet Training, ICAO e PLA Teórico, da forma que costumo dizer, tenho todas as “figurinhas do álbum”. Porém não consegui o meu Visto Americano, o que é requisito da Azul, algo que não depende inteiramente do meu esforço e sim do julgamento da pessoa que me negou o visto. Considerando os fatos, isso realmente poderia me deixar fora de uma seleção na Azul, considerando que é um requisito? Obrigado e até mais. Abraços.

    • Raul Marinho
      3 meses ago

      Temos um problema kafkaniano aqui… O “visto americano” requerido, pelo que entendo, deveria ser um visto de negócios ou de tripulante, já que a empresa não está interessada em te mandar de férias prá Disney, né? Mas como obter tais vistos se vc não tem uma justificativa para tal – isto é: se vc não está trabalhando numa cia aérea? Em tese, vc só poderia se candidatar a uma vaga na Azul se vc já estivesse trabalhando em outra cia? Não faz sentido, né?
      Isto posto, eu não me preocuparia muito com o visto. Tenha o passaporte válido e toque em frente.

      • Fabrício
        3 meses ago

        O visto solicitado pela empresa pode ser o B1/B2 – Negócios ou Turismo. Ele serve para a possível realização de um simulador nos EUA, já que os simuladores aqui estão lotados. O de tripulante é efetuado após treinamento, com o funcionário já em rota. Nesse caso a empresa oferece a documentação para solicitação. Então, é importante estar com o visto em mãos sim!
        Grande abraço!

        • Anderson
          2 meses ago

          Cara! O que eu estava procurando vc respondeu! Obrigado Fabrício \0/

  3. Daniel Marçal
    3 meses ago

    Apesar da Azul estar formando turmas de piloto desde Janeiro, ela não divulgou vaga no site. As turmas foram formadas por funcionários, indicados ou alunos da PUC-RS. Será que esse aumento nos requisitos mínimos sinaliza que vai abrir vaga no site? Aguardemos…

    • Ronaldo
      2 meses ago

      Terrível a maneira que a Azul adota.
      Tenho todos os requisitos e 1.500 horas de voo…
      Chegar até aqui e ficar dependendo de indicação ou ser x-aluno de PUC é pra acabar.
      Maneira arcaica e patética de ligar com a questão.
      Deve ser por isso que estão enfrentando muitos problemas internos de insatisfação de tripulantes.

Deixe uma resposta