Novidades sobre os processos seletivos da Latam e Azul

Novidades sobre os processos seletivos da Latam e Azul

By: Author Raul MarinhoPosted on
608Views8

Apesar das reiteradas tentativas de contato com o RH e com a Assessoria de Imprensa da Latam não terem dado resultado*, aeronautas que trabalham na empresa confirmaram que, conforme informado ontem, a empresa realmente está contratando copilotos por meio de seleção interna – motivo do “rebaixamento” dos requerimentos de mínimos de horas de voo neste processo (200h, contra as 500h que a empresa costuma requerer para o público externo). De acordo com estas fontes, a empresa estaria necessitando contratar cerca de 60 copilotos neste momento. Há perspectiva de que se abram processos externos de contratação no segundo semestre.

Já em relação à Azul, a novidade foi a empresa elevar seus mínimos de experiência para 500h de voo, vide imagem da página de recrutamento da empresa mostrada abaixo:

azulcop – x –

*Atualização de 08/05: A empresa enviou nota para este blog hoje nos seguintes termos:

A LATAM Airlines Brasil informa que no momento as vagas disponíveis são para a migração interna de funcionários da companhia. 
 
Para o mercado, a empresa orienta que os interessados consultem a atualização das vagas disponíveis e efetuem seus cadastros por meio da seção Trabalhe Conosco, no site da empresa.

8 comments

  1. Daniel Marçal
    11 meses ago

    Informações dão conta que ninguém foi aprovado no processo interno da Latam. Seleção externa começa essa semana. Alguns pilotos já receberam email de convocação.

    • roberto
      10 meses ago

      Sabe informar se o processo seletivo comecou? Eu fiz a inscricao e ate agora nada

  2. Allan Dewolatka
    12 meses ago

    Raul por favor. Sobre os requisitos da Azul. Tenho o total de 900h de voo sendo 730 como Instrutor de Voo em uma escola de referência no Sul. Também com MLTE/IFR, Jet Training, ICAO e PLA Teórico, da forma que costumo dizer, tenho todas as “figurinhas do álbum”. Porém não consegui o meu Visto Americano, o que é requisito da Azul, algo que não depende inteiramente do meu esforço e sim do julgamento da pessoa que me negou o visto. Considerando os fatos, isso realmente poderia me deixar fora de uma seleção na Azul, considerando que é um requisito? Obrigado e até mais. Abraços.

    • Raul Marinho
      12 meses ago

      Temos um problema kafkaniano aqui… O “visto americano” requerido, pelo que entendo, deveria ser um visto de negócios ou de tripulante, já que a empresa não está interessada em te mandar de férias prá Disney, né? Mas como obter tais vistos se vc não tem uma justificativa para tal – isto é: se vc não está trabalhando numa cia aérea? Em tese, vc só poderia se candidatar a uma vaga na Azul se vc já estivesse trabalhando em outra cia? Não faz sentido, né?
      Isto posto, eu não me preocuparia muito com o visto. Tenha o passaporte válido e toque em frente.

      • Fabrício
        12 meses ago

        O visto solicitado pela empresa pode ser o B1/B2 – Negócios ou Turismo. Ele serve para a possível realização de um simulador nos EUA, já que os simuladores aqui estão lotados. O de tripulante é efetuado após treinamento, com o funcionário já em rota. Nesse caso a empresa oferece a documentação para solicitação. Então, é importante estar com o visto em mãos sim!
        Grande abraço!

        • Anderson
          11 meses ago

          Cara! O que eu estava procurando vc respondeu! Obrigado Fabrício \0/

  3. Daniel Marçal
    12 meses ago

    Apesar da Azul estar formando turmas de piloto desde Janeiro, ela não divulgou vaga no site. As turmas foram formadas por funcionários, indicados ou alunos da PUC-RS. Será que esse aumento nos requisitos mínimos sinaliza que vai abrir vaga no site? Aguardemos…

    • Ronaldo
      11 meses ago

      Terrível a maneira que a Azul adota.
      Tenho todos os requisitos e 1.500 horas de voo…
      Chegar até aqui e ficar dependendo de indicação ou ser x-aluno de PUC é pra acabar.
      Maneira arcaica e patética de ligar com a questão.
      Deve ser por isso que estão enfrentando muitos problemas internos de insatisfação de tripulantes.

Deixe uma resposta